Google rejeita acusações feitas pela UE de práticas anticoncorrenciais

“Melhorar a qualidade não é ser anticoncorrencial”. É este o título da carta na qual a Google refuta as acusações da União Europeia sobre alegadas práticas anticoncorrenciais exercidas pela empresa norte-americana no resultado das buscas por comércio eletrónico.

Fonte:: exame